Fale com a gente
Bonni Restaurante

Colunas

De olho na pandemia

No decorrer desse ano, abordarei assuntos relevantes à saúde emocional e integral de maneira contemporânea e contextual

Publicado

em

Loja Californiana

Muitas coisas foram alteradas do ano passado pra cá, uma delas é a maneira pela qual nos relacionamos. A maioria de nós foi submetida de maneira abrupta a um isolamento que por sua vez nos trouxe muitas consequências. Raramente ouvimos pessoas dizendo que sentiram-se confortáveis pelo fato de estarem em casa. Isolados, sem poder manter a rotina diária e distantes da família, todos nós sofremos as consequências. O isolamento não foi apenas físico sobre tudo foi cultural e emocional.

Tivemos que reaprender a nos relacionar à distância e sem o toque físico. Isso para muitos de nós foi o ponto mais nevrálgico, uma vez que vivemos em uma cultura sinestésica. Nos reabilitamos em todos os aspectos e isso nos trouxe um custo e um preço alto. Portas de emprego se fecharam, funcionários foram dispensados e a incerteza tornou-se a única certeza que tínhamos.

Ótica da Visão

Quando uma tragédia ocorre e uma pandemia se instala, normalmente tudo nos é tirado e o que nos sobra é o fato de vivermos o luto daqueles que partiram. Essa pandemia nem isso deixou para nós. Tivemos que sepultar, às pressas, as pessoas que amamos e que partiram. Na maioria das vezes, nossos ritos antropológicos e religiosos não tiveram lugar nesse processo. E, em tudo isso, os abraços de consolo nos foram negados por razões óbvias.

Nesse contexto todo, nossa saúde emocional foi profundamente atacada e alterada. Crises de ansiedade de depressão passaram a fazer parte de nossa vida de maneira mais intensa. A fadiga crônica passou a ser um vulto que nos assombra. Quando olhamos para questão educacional percebemos que iremos ter lacunas, apesar dos esforços dos profissionais da educação, que irão levar tempo para serem sanadas. É claro que o processo de ensino aprendizagem se faz na coletividade, e isso também nos foi tirado.

No entanto, esse é um tempo que podemos olhar melhor para nós mesmos e para nosso interior. Toda mudança é uma oportunidade para um novo desenvolvimento. Uma das maneiras mais significativas de olharmos para nós mesmos é a terapia. Ela é como um espelho que nos faz perceber a realidade que precisamos encarar para irmos mais longe e além. Nesse sentido tenho trabalhado e oportunizado que diferentes pessoas possam, mesmo em tempo de crise, viver e ter uma qualidade de vida emocional saudável. As sessões de assessoria emocional que desenvolvo são voltadas para o todo do ser humano. Assim de maneira integral procuramos tratar aqueles que precisam com múltiplas técnicas terapêuticas, desde psicoterapia, terapia de florais e reflexologia podal terapêutica. No decorrer desse ano, abordarei assuntos relevantes à saúde emocional e integral de maneira contemporânea e contextual.

Atenciosamente!

Mário Alberto M. de Melo é Terapeuta e Professor. Formado em Teologia e Pós Graduado em Psicologia. Especialista em Transtornos de Personalidade, Terceira Idade e Cuidados Paliativos. Sistematizador do Conceito de Grace Theo Therapy – e-mail: [email protected].

Farmasi
Continue Lendo

Doce Arte
Doce Arte