Fale com a gente
Prefeitura de Toledo

Aprendizagem em memórias

Um conhecido desconhecido

Quantos ainda não conhecem Psicopedagogia

Publicado

em

FOTO: Arquivo/Portal Rondon
Martin Luther – Enem

Caminhava pelas ruas da cidade grande e sem querer esbarrei em uma pessoa que caminhava no sentido contrário na estreita calçada próximo a um Shopping. Pedi desculpas e observei que a pessoa ficara muito irritada e gritou:

– “Olha por onde anda!!!”

Kyuu – Dia do Namorados

Fiquei sem saber o que fazer, e reforcei o pedido de desculpas me identificando.

– “Sou Psicopedagogia e peço mil desculpas pelo inconveniente”.

Não fiquei surpresa ao ouvir a expressão:

– “Nunca vi, nem ouvi e nem escuto falar!”.

– “Como assim?”, perguntei.

– “Não sei quem é você e nem quero saber!”

E saiu aborrecido entrando no shopping a frente.

Pensativo sobre o assunto, fui em sua direção e me indagando: como não me conhece, todo mundo me conhece. Entrando no Shopping fui caminhando olhando as lojas e vi aquele caminhante sentado sozinho em uma das lanchonetes. Me aproximei, pedi licença e perguntei se poderia me assentar para “pedir mais desculpas”. Ele concordou e ao sentar-me reforcei meu pedido de desculpas dizendo que estava muito triste com o fato de ter causado tanto descontentamento a ele.

Menos “armado” aceitou, e parecendo mais tranquilo, resolvi perguntar se ele “realmente nunca havia ouvido falar de mim”. Ele disse que não, era a primeira vez que ouvira aquele nome. Me arrumei na cadeira e resolvi dizer a ele quem era Psicopedagogia. A conversa foi mais ou menos assim, vou contar…

Desde quando nascemos, todos nos encontramos em um contexto de aprendizado diário. Durante as fases da vida, recebemos e guardamos informações e construímos conhecimentos, vários que nos auxiliam de tantas formas e principalmente na contribuição do desenvolver de nossa mente. Para ajudar este processo e entender tudo o que acontece, eu utilizo em minha vida e na vida daqueles que me procuram para algum auxílio, conhecimentos vários, mas principalmente sobre a compreensão da mente humana, mas especificamente no que diz respeito ao aprender contínuo.

Informei ainda a ele que segundo uma instituição importante chamada Conselho Regional de Psicologia, Psicopedagogia com sua experiência em ajudar pessoas, fica sendo uma mediadora entre a Psicologia e a Pedagogia, ajuda na Educação, mas exige a formação geral em ambas as áreas. Ele me ouvia atentamente e me disse para que contasse mais a respeito. E continuei…

O psicopedagogo pode atuar em quatro áreas específicas, dependendo a quem quer ajudar. A primeira é a área clínica, quando atua em atividade profissional que presta atendimento em clínicas ou consultórios, procurando resolver problemas relacionados à dificuldade de aprendizado. Uma segunda opção é ajudar pessoas na Educação Continuada, auxiliando pessoas que estão afastadas do Ambiente Escolar. E a terceira é a orientação pedagógica, atuando em escolas, resolvendo questões referentes a currículos da escola, métodos de ensino e abordagens gerais com os alunos, sempre com o objetivo de facilitar o aprendizado. E tem a última que é uma ação em Recursos Humanos, quando se assessora empresas, órgãos governamentais e ONGS que estão com dificuldades no que diz respeito a aprendizagem dos colaboradores.

– Sabe agora quem eu sou?

– Sim, me esqueci que quando criança recebi sua visita, mas havia me esquecido de como me ajudou na trajetória do aprendizado. Eu é quem peço desculpas agora por ter me esquecido de alguém que tanto me auxiliou quando eu mais precisei.

Sorrimos e eu fui embora.

Saí do local mais tranquila e pensativa: quantos ainda não me conhecem, alguns por medo, outros por receio e outros ainda por não saberem que eu existo. Eu quero ajudar, estou pronto, é só me chamar. Abraço.

MR. Kings Lava Car
Continue Lendo

Doce Arte
Doce Arte