Fale com a gente

PitStop

Por dentro dos circuitos: Sakhir

Saiba mais sobre o circuito que recebe a etapa de abertura do mundial de F1

Publicado

em

Silveira institucional

E aí, turma! Tudo bem? Mais uma coluna Pit Stop aqui no Portal Rondon. E com novidades! Toda segunda-feira antes de um Grande Prêmio de Fórmula 1, você vai conferir um especial com todas as informações e curiosidades sobre a pista que vai receber a F1.

E nossa primeira parada é no Bahrain. O Circuito Internacional do Bahrain é um luxuoso autódromo localizado no deserto de Sakhir. A pista foi desenhada pelo arquiteto alemão Hermann Tilke e começou a ser construída em 2002, foi inaugurada em apenas 18 meses, por um custo de aproximadamente 150 milhões de dólares. O circuito possui cinco traçados diferentes e, destes, três já receberam pelo menos uma prova da Fórmula 1.

Gramado Presentes

O primeiro GP do Bahrein foi realizado em 2004, e foi vencido por Michael Schumacher, seguido por Rubens Barrichello e Jenson Button. De lá pra cá, com exceção de 2011 – quando uma série de protestos impediu a realização da prova – o circuito é figurinha carimbada no calendário da F1, recebendo provas e testes.

Até 2013 as corridas eram realizadas durante o dia, o que levava carros e pilotos ao limite. Para você ter uma ideia, Fernando Alonso teve uma queda de pressão e um desmaio ao final do GP do Bahrain de 2009. O espanhol correu boa parte da prova sem poder beber água – graças a uma falha no sistema de hidratação. Além disso, um vazamento no radiador permitiu que os gases quentes do motor atingissem as costas do piloto. Nessa brincadeira toda, Alonso perdeu cerca de 5,5kg, tamanho o desgaste físico.

A partir de 2014, o circuito passou por uma reforma, com a adição de torres de iluminação, e então as corridas da F1 passaram a ser realizadas à noite. Melhor para os pilotos – menor desgaste físico, melhor para as equipes – correr à noite tem suas vantagens na aderência dos carros, melhor para o espetáculo – já que a prova noturna sempre rende belas imagens de um carro de F1.

O circuito possui 15 curvas, sendo oito para a direita e sete para a esquerda. O traçado é conhecido por ter freadas fortes e longas retas, o que favorece as brigas por posições.

O circuito recebeu 17 provas válidas pelo campeonato mundial de F1, e os maiores vencedores, com quatro triunfos cada, são Sebastian Vettel (2012, 2013, 2017 e 2018) e Lewis Hamilton (2014, 2015, 2019 e 2020).

MOMENTOS MARCANTES

2014: Hamilton e Rosberg protagonizaram um duelo de arrepiar pela primeira posição nas voltas finais da corrida.

2020: após cair para a última posição e contar com o azar da Mercedes, Sérgio Perez consegue uma vitória improvável no GP de Sakhir.

Dia dos Namorados – Perfumare
Continue Lendo

Giatto – Primeio Banner
Certo Imóveis – Feirão