Fale com a gente

Manifestação

Em Toledo, manifestantes cravam cruzes ao redor do lago e pedem testes de Covid e vacinação em massa

Eles homenagearam vítimas de Covid-19 e fizeram reivindicações

Publicado

em

Martin Luther – Enem

As manifestações seguem pelo país. Hoje (26), o Comitê Resistência e Solidariedade de Toledo – CRS organizou uma atividade de alerta em defesa da vida. O grupo é formado por pessoas que contribuem em diversas frentes nesse momento de pandemia.

Durante a manhã, eles cravaram cruzes em torno do lago municipal de Toledo para simbolizar os mais de 300 mil mortos pela Covid-19 no Brasil e as mais de 200 vítimas fatais de Toledo. O intuito foi prestar homenagem às vítimas, expressar solidariedade aos familiares que perderam entes queridos e dar forças aos milhões de infectados, incluindo aqueles que carecem de cuidados e esperam na fila por um leito de UTI. Além disso, o comitê dedica gratidão aos trabalhadores do sistema público e privado da saúde que diuturnamente salvam vidas.

Avisul

Segundo os responáveis pelo CRS, nesse momento é indispensável uma articulação nacional do Sistema Único de Saúde (SUS) através de planejamento e ações concretas dos governos federal, estadual e municipal contra o inimigo número um da sociedade, que atualmente é o coronavírus.

A manifestação também reivindicou vacinas.

“Só com a vacina é que as aulas presenciais poderão ser retomadas, bem como as demais atividades caracterizadas como não essenciais”.

O CRS lembrou, ainda durante o ato, que 70 milhões de brasileiros estão em situação de vulnerabilidade e necessitam do auxílio emergencial, por isso, cobra que o auxílio emergencial seja novamente de R$ 600 para possibilitar a sobrevivência destes enquanto a pandemia não esteja totalmente controlada.

“Pedimos que o presidente respeite a dor da população e dos familiares das vítimas do coronavírus e coloque a saúde e a vida como a maior prioridade para o país”, disseram os manifestantes.

Em síntese, o que eles pediram foi teste da Covid-19 em massa para diagnosticar o real quadro de infectados, urgência na vacinação gratuita para todos, lockdown nacional, auxílio emergencial e
impeachment do presidente Jair Bolsonaro.

A atividade foi organizada pelo Comitê de Resistência e Solidariedade, Adunioeste, APP de Toledo, Ser Toledo, Sinteoeste, Sindicato dos Empregados no Comércio, Sinditest, Movimento Estudantil e Instituto Cultural Quilombo Tekohá.

Mais tarde, a guarda municipal e alguns servidores foram até o lago e tiraram as cruzes.

Bolsonaristas que passavam por lá rasgaram os cartazes e chutaram as cruzes.

Dia dos Namorados – Perfumare
Continue Lendo

Mercadão dos Óculos
Rui Barbosa últimas notícias