Fale com a gente
Bonni Restaurante

Política

Deputada Silvia Waiãpi tem mandato cassado por gastar verba eleitoral com harmonização facial

O caso foi denunciado pela ex-assessora, que expôs o pagamento para procedimento estético.

Publicado

em

Foto: Catve.
Farmasi

O Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE/AP) cassou, por unanimidade, o mandado da deputada federal Silvia Waiãpi (PL/AP) após denúncia por utilizar verba pública de campanha eleitoral para realizar um procedimento de harmonização facial durante as eleições de 2022.

A denúncia feita por uma ex-assessora. A deputada, ainda em campanha, teria estabelecido o repassasse de um valor de aproximadamente R$ 9 mil para um cirurgião dentista, após receber uma verba proveniente de um Fundo Especial de Financiamento de Campanha.

Ótica da Visão

Segundo o Ministério Público Eleitoral (MPE), foram realizadas duas transações no dia 29 de agosto daquele ano. Uma no valor de R$ 2 mil e outra no valor de R$7 mil.

Em informações divulgadas pelo portal CNN, durante uma sessão de julgamento nesta quarta-feira (19), o TRE /AP acompanhou um trecho de depoimento prestado pelo cirurgião, onde confirma ter recebido o pagamento pelo procedimento estético. Além disso, o MPE também analisou os recibos dos procedimentos durante o julgamento.

A deputada negou tais irregularidades e informou que as contas de sua campanha eleitoral foram aprovadas pela Justiça Eleitoral. Ainda cabe recurso sobre a decisão junto ao TSE.

Com informação Catve.

Clube Náutico
Continue Lendo

Doce Arte
Doce Arte