Fale com a gente

Geral

Policiais dizem que ministro da Justiça mantém compromisso com reajuste

Anderson Torres se reuniu com policiais que aguardam o reajuste prometido pelo governo federal

Publicado

em

|Foto: Arquivo/Agência Brasil |
Martin Luther – Enem

O ministro da Justiça, Anderson Torres, se reuniu nesta quinta-feira (13) com policiais que aguardam o reajuste salarial e teria reafirmado o compromisso de que o governo vai pagar.

Marcus Firme, presidente da Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef), que participou da reunião, afirmou à CNN, que a categoria está confiante. “Temos um valor que está na lei orçamentária. Outras carreiras tiveram reestruturação em governos passados e nós não tivemos. É uma luta histórica nossa para uma maior eficiência. Poderíamos fazer muito mais, se tivéssemos as carreiras reestruturadas. Todos têm a ganhar. Muito mais a sociedade”, disse.

Gramado Presentes

O encontro contou com representantes da polícia federal, peritos federais, polícia rodoviária federal e servidores do Departamento Penitenciário Nacional (Depen).

De acordo com participantes da reunião, o ministro Anderson Torres falou das pressões que o governo vem sofrendo de outras categorias que também reivindicam reajustes e gratificações, a exemplo dos auditores fiscais. O ministro esteve reunido nesta segunda-feira com Bolsonaro, no Planalto.

O orçamento deste ano ainda não foi sancionado. O texto prevê a utilização de R$ 1,7 bilhão em aumentos salariais e reestruturação de carreiras ligadas ao Poder Executivo Federal. O presidente Jair Bolsonaro prometeu conceder reajuste às categorias policiais. Mas ainda não editou a norma que dará uma destinação aos recursos. O governo ainda está decidindo se enviará ao Congresso uma Medida Provisória ou um Projeto de Lei.

Procurado, o Ministério da Justiça ainda não se manifestou.

1º Banner
Continue Lendo

Doce Arte
Rui Barbosa últimas notícias