Fale com a gente
Unioeste

Saúde

Média móvel de casos de Covid-19 no Brasil aumenta 129% em uma semana

Mais transmíssivel, variante Ômicron tem causado mais infecções no país; no mesmo período, mortes aumentaram 24%

Publicado

em

Na última sexta-feira (14), país voltou a registrar mais de 100 mil casos | FOTO: Breno Esaki/Agência Saúde DF
Gramado Presentes

O Brasil relatou 48.520 novos casos de Covid-19 neste sábado (16). Com isso, a média móvel de infecções pelo vírus chegou a 68.028, número 128,9% maior do que o registrado há uma semana.

Quanto às mortes pela doença, foram contabilizadas 175 nas últimas 24 horas. A média móvel de óbitos está em 148, crescimento de 24% em relação há semana anterior.

Avisul

Nos últimos dias, os boletins divulgados pelo Ministério da Saúde têm apresentado uma alta no número de novas infecções confirmadas no Brasil. Na última sexta-feira (14), o país voltou a registrar mais de 100 mil casos em 24 horas. No entanto, os dados sobre óbitos sobem mais lentamente.

Especialistas consultados pela CNN explicam que o descompasso entre os dois índices pode ter causas multifatoriais.

Uma das hipóteses é o indício de que a variante Ômicron, que tem se espalhado rapidamente pelo país, está associada a quadros clínicos mais leves. Outro ponto relevante é o avanço da vacinação, alcançado especialmente no segundo semestre de 2021.

A exposição de grande parte da população à infecção natural pelo vírus, o que confere certa imunidade, também pode contribuir para que o número de mortes se mantenha estável.

Dchinelos
Continue Lendo

Doce Arte
Certo Imóveis – Janeiro 2022