Fale com a gente
Rondon Veículos

Policial e Trânsito

Justiça determina que Rodonorte faça canalização do trânsito em praças de pedágio para abertura de cancelas

Segundo a decisão, desvio do tráfego deve ser feito para que motoristas passem pelas praças de pedágio em segurança. Juíza determinou multa de R$ 100 mil por dia de descumprimento

Publicado

em

|Foto: Google|
Camargo Café

Uma decisão da Justiça Federal desta quinta-feira (25) determinou que a CCR Rodonorte faça a canalização do trânsito nas praças de pedágio que administra.

A concessão se encerra à meia-noite de sexta-feira (26) e, até que um novo contrato entre em vigor, as cancelas de pedágio ficarão abertas.

Institucional

Com a decisão, a concessionária deve fazer a sinalização e instalar barreiras para que os motoristas desviem o trânsito nas praças. De acordo com a Justiça Federal, o desvio deve ser feito para que os carros passem em segurança pelos locais.

O pedido de tutela de urgência foi deferido a pedido do Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR).

Segundo o DER-PR, a partir do fim de semana, as faixas centrais estarão bloqueadas. Com isso, o tráfego será feito pelas laterais. O mesmo padrão será seguido em todas as praças desativadas.

A concessionária também deve apresentar um cronograma detalhando a reversão de bens nas praças de pedágio.

De acordo com a decisão, uma multa de R$ 100 mil diária pode ser aplicada em caso de descumprimento.

A CCR Rodonorte administra sete praças de pedágio no estado em rodovias da região central e dos Campos Gerais.

O que diz a concessionária

A Rodonorte informou que “continua adotando todas as medidas necessárias para devolver as rodovias ao Poder Concedente ao término do Contrato de Concessão. Nesse sentido, a Concessionária avaliará tecnicamente a solução apresentada pelo Poder Concedente e tomará as providências necessárias para garantir a segurança viária.”

Ótica Da Visão Estilo + Proteção
Continue Lendo

Doce Arte
Doce Arte