Fale com a gente

Mundo

A incrível história do pescador que sobreviveu após ser ‘engolido’ e cuspido por uma baleia

O pânico durou entre 30 e 40 segundos

Publicado

em

O pescador de lagostas de 56 anos, fotografado no hospital depois de passar mais de 30 segundos na boca de uma baleia jubarte | FAMILIA PACKARD
Silveira institucional

Um pescador nos Estados Unidos foi tragado por uma baleia jubarte e devolvido à água alguns segundos depois, enquanto mergulhava em busca de lagostas, na sexta-feira (11).

Michael Packard conta que estava mergulhando quando acabou dentro da boca do gigante marinho na costa de Provincetown, em Massachusetts.

Panorama Espetaria

O pânico durou entre 30 e 40 segundos. Depois disso, o animal cuspiu Packard, que apenas teve um deslocamento no joelho.

Apesar dos apelos de sua esposa para que mude de emprego, ele diz que não pretende abandonar sua carreira de 40 anos em Cape Cod, uma península no extremo leste do estado de Massachusetts.

As baleias jubarte podem crescer até 15 metros de comprimento e pesar cerca de 36 toneladas.

De acordo com o World Wide Fund for Nature, sua população mundial é de aproximadamente 60.000 espécimes.

Packard, de 56 anos, disse ao jornal local Cape Cod Times que ele e seu companheiro de tripulação foram de barco para a praia de Herring Cove na manhã de sexta-feira (11), quando as condições de mergulho eram excelentes, com visibilidade da água de aproximadamente 6 metros.

Depois de pular na água com seu equipamento de mergulho, Packard disse à televisão local WBZ-TV News que sentiu “um grande golpe e depois tudo escureceu”.

‘Está tentando me engolir’

O pescador pensou que havia sido atacado por um dos grandes tubarões brancos que nadam na área.

“Então eu comecei a apalpar as laterais e senti que não tinha dentes”, disse ele.

“Foi quando eu percebi, ‘Meu Deus, estou na boca de uma baleia e ela está tentando me engolir. É isso mesmo, eu vou morrer’.”

Packard diz que pensou em sua esposa e dois filhos, de 12 e 15 anos.

Baleia
Legenda da foto. Cientistas dizem que é extremamente raro que uma baleia trague um ser humano

“Então, de repente, ele veio à tona… e começou a sacudir a cabeça.”

“Ela me jogou para o alto e eu caí na água. Eu estava livre e simplesmente fiquei boiando ali. Não conseguia acreditar… E hoje estou aqui para contar.”

Seu companheiro de tripulação, que procurava desesperadamente na água por bolhas do respirador de oxigênio de Packard, arrastou-o de volta para o barco.

O Corpo de Bombeiros de Provincetown confirmou à CBS News que havia respondido a uma ligação às 8h15, (horário local), para ajudar um pescador de lagosta ferido em uma praia de Provincetown.

Erro

As baleias jubarte tendem a se alimentar abrindo bem a boca para engolir o máximo possível de presas, normalmente peixes ou krill.

Assim, alguns cientistas marinhos acreditam que o que aconteceu com Packard foi, provavelmente, puramente acidental. Um especialista disse ao Cape Cod Times que uma baleia engolir um humano é um episódio extremamente raro – ou inédito.

FONTE: BBC

Primeiro Banner
Continue Lendo

Doce Arte
Credivel