Fale com a gente
Sicredi

Política

Projeto de lei prevê atendimento preferencial a portadores de fibromialgia no Município

Proposta legislativa abrange órgãos públicos e empresas privadas.

Publicado

em

FOTO: Assessoria
Rui Barbosa

Está em tramitação na Câmara de Vereadores de Marechal Cândido Rondon o Projeto de Lei 14/2024, do Poder Legislativo, que tem objetivo de garantir atendimento preferencial aos portadores de fibromialgia, tanto nos órgãos públicos como nas empresas públicas e privadas no Município.

A fibromialgia se manifesta, principalmente, com dores no corpo todo. Ela é acompanhada de sintomas como cansaço, sono não reparador e outras alterações, como problemas de memória e concentração, ansiedade, formigamentos, depressão, dores de cabeça, tontura e alterações intestinais.

Portal Instagram

Se aprovado, o projeto de lei estabelece que a identificação das pessoas com fibromialgia se dará por meio de laudo médico emitido por profissional habilitado ou por documentação expedida pelo município.

Prevê ainda que os estabelecimentos públicos e privados ficarão obrigados a informarem, através de placas, o atendimento prioritário às pessoas com fibromialgia. São exemplos de estabelecimentos privados: supermercados, bancos, lotéricas, farmácias, bares, restaurantes, lojas, entre outros.

Os infratores estarão sujeitos à advertência e multa.

Se implantada a lei, os portadores de fibromialgia também terão direito às vagas de estacionamento aplicáveis às pessoas com deficiência.

A proposta de lei foi lida na sessão da última segunda-feira (13), e baixada para análise das Comissões de Justiça e Redação; de Finanças, Orçamento e Fiscalização; e de Educação, Cultura, Bem-Estar Social e Ecologia.

Após os pareceres, o texto será votado pelos vereadores em plenário.

Com informação assessoria.

SF CONSTRUTORA TOPO ABSOLUTO TOPO 2
Continue Lendo

Doce Arte
Doce Arte