Fale com a gente
Lar

Agronegócio

Fórum Planeta Campo: ministros da Agricultura e do Meio Ambiente destacam papel do produtor na preservação ambiental

‘Produtor rural é o maior ambientalista do país’, diz Tereza Cristina; iniciativa do Canal Rural, evento discute os desdobramentos da COP26 e diferentes aspectos da sustentabilidade na agropecuária

Publicado

em

| Foto: Canal Rural |
Martin Luther – Enem

A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, disse, nesta terça-feira (30), na abertura do Fórum Planeta Campo, que o produtor rural brasileiro é o maior ambientalista do Brasil.

Segundo a ministra, com a COP26, ficou evidente que a agropecuária brasileira tem um papel fundamental na agenda climática global.

Kyuu – Dia do Namorados

“A agropecuária faz parte da solução do problema. A delegação brasileira na COP26 apresentou tecnologias que já adotamos no país e surpreendeu o mundo, como o programa ABC+”, disse.

Ainda de acordo com a ministra, agricultores, pecuaristas, silvicultores e extrativistas destinavam à preservação da vegetação nativa mais de 218 milhões de hectares, o equivalente a um quarto do território nacional, o que corresponde a 25,6% do território. “O nosso agricultor é o maior ambientalista do país”.

O ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite, disse que a COP26 foi uma “vitrine para o Brasil”.

“Nós tivemos a oportunidade de apresentar mais de 100 projetos reais, em andamento, de um país que preserva, que cuida. Nós temos a agricultura mais sustentável do mundo”, afirmou.

O ministro destacou os acordos assinados pelo Brasil na Conferência do Clima, em Glasgow, na Escócia, entre eles o fim do desmatamento ilegal até 2028 e o compromisso global pela redução de emissão de gás metano em 30%.

“O Brasil teve um papel importantíssimo, especialmente no acordo que criou o mercado de carbono global. O Brasil atuou de forma construtiva e proativa. o mercado de carbono vai trazer recursos para projetos cada vez mais sustentáveis”, disse.

Fórum Planeta Campo

O Fórum Planeta Campo conta com quatro painéis para abordar os desdobramentos da COP26 e diferentes aspectos da sustentabilidade na agropecuária.

Segundo Júlio Cargnino, presidente do Canal Rural, o evento é uma oportunidade de conversar com a sociedade. “O nosso objetivo é conectar pessoas, desenvolver o agronegócio e levar conhecimento. A comunicação é fundamental para o desenvolvimento de uma agricultura sustentável. E o nosso papel é criar espaços de comunicação entre o agronegócio e a sociedade”.

Estácio
Continue Lendo

Doce Arte
Novo Banner Loja Mix