Enem: Professores orientam que semana deve ser de revisão

A Justiça Federal em São Paulo negou o pedido de adiamento do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e manteve a data das provas nos dias 17 e 24 de janeiro. O pedido havia sido feito pela Defensoria Pública da União (DPU) e o Ministério Público Federal (MPF). A juíza que julgou o pedido considerou que as medidas previstas pelo Inep garantem a segurança na aplicação das provas.

Entidades estudantis, candidatos, professores, entre outros, pediam para que as provas não fossem realizadas agora, quando os casos de Covid continuam a avançar em todo o País. Com o exame marcado para os próximos domingos, a dica agora é relaxar sem descuidar dos conteúdos e da doença. A partir de agora é organizar a caneta, a máscara, o álcool em gel. Olhar o seu Cartão de Confirmação da Inscrição para ver onde vai fazer a prova. Verificar se conhece o lugar, se sabe como chegar. Muitos professores também defendem que o momento é de revisão de conteúdos, mas sem sem estresse.

 


Fonte: Bem Paraná

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *